Embraport é a primeira empresa brasileira recomendada a receber a certificação ISO 28000

Com pouco mais de um ano de operações, o Terminal Portuário também recebeu a recomendação para a certificação ISO 9001

A Embraport, um dos maiores e mais modernos terminais portuários privados do país, instalado na margem esquerda do Porto de Santos, conquistou a recomendação de duas certificações da Organização Internacional para Padronização (ISO) no último dia 17. Uma dessas certificações, a ISO 28000, é inédita no Brasil e está relacionada à Segurança na Cadeia Logística. A Embraport também recebeu a recomendação para a certificação ISO 9001, que corresponde ao Sistema de Gestão da Qualidade.
O órgão de certificação internacional, Lloyd’s Register Quality Assurance, foi o responsável pelas auditorias. Danny Tan, da LRQA de Singapura, liderou a auditoria da ISO 28000, junto com Marcel Brito e Claudio Martins, da LRQA do Brasil, e Gabriel Perez, da LRQA do México.
A implantação de um Sistema de Gestão da Segurança baseado na ISO 28000 determina um padrão internacional para todos os processos de negócio, priorizando a qualidade e a segurança nas operações realizadas pela Embraport. A conquista é resultado de um trabalho intenso, realizado nos últimos dez meses por um comitê formado por representantes de todos os departamentos da empresa.
Jeová Cardoso, gerente de Qualidade e Segurança Patrimonial da Embraport, comemora mais um marco importante do Terminal na cadeia logística portuária. “Com a certificação ISO 9001 e a inédita ISO 28000, alcançamos uma vantagem competitiva no mercado, com foco na melhoria de nossas práticas organizacionais e na satisfação dos clientes”.
Reynaldo Pincette, diretor da Embraport, acredita que a conquista tenha uma influência positiva. “A Embraport contribuirá ainda mais para a produtividade do país e para acelerar o desenvolvimento da região”.

Sobre a Embraport

A Embraport (Empresa Brasileira de Terminais Portuários) é a responsável pela operação do mais novo terminal portuário privado do Brasil, na margem esquerda do Porto de Santos (SP). Com investimentos totais da ordem de R$ 2,3 bilhões, proporcionou a criação de mais de 700 empregos diretos e 1.500 indiretos. Seus acionistas são Odebrecht TransPort e DP World. Instalado em área estratégica com acesso por via marítima, rodoviária e ferroviária, em sua primeira fase o empreendimento conta com 653 metros de cais, 207 mil m² de pátio e capacidade de movimentação anual de 1,2 milhão de TEUs (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés).
Mais informações no portal www.terminalembraport.com.br.
Outubro de 2014
Informações para a imprensa:
Miucha Andrade (13) 3229.0714 (13) 99791.7241 m.andrade@terminalembraport.com.br