Embraport realiza primeira operação de carregamento de trilhos por ferrovia

A Embraport iniciou no mês de fevereiro a operação de carregamento de trilhos por ferrovia.

No total, 20 viagens serão necessárias para o transporte de 15 mil toneladas de trilhos, divididos em grupos de 800 a 900 toneladas. A carga será transportada até a cidade de Bauru, no interior do Estado de São Paulo.

Esta é a primeira vez que a Embraport utiliza o pátio ferroviário, inaugurado no ano passado, para realizar o carregamento de cargas como trilhos, por exemplo.  Os vagões utilizados na operação, da empresa Rumo/ALL, são do modelo “Head Hardened Rails” ou TR-68, e utilizados especificamente para o carregamento de cargas mais pesadas.

Em menos de um ano de operação, o novo pátio da Embraport destinado as operações ferroviárias já movimentou mais de 12 mil TEUs, o que representa cerca de 2% das cargas movimentadas pelo terminal.

Fábio Siccherino, diretor de Novos Negócios da Embraport, destaca que cada vez mais a empresa tem investido em oferecer serviços completos à seus clientes objetivando reforçar o compromisso da empresa com a integração de modais. “No caso desta carga, a Embraport foi o terminal responsável pela descarga do navio e agora integrará o escoamento da carga pelo modal ferroviário, assegurando custos competitivos, destaca.

Siccherino aponta ainda outra vantagem que diz respeito a questão da sustentabilidade. “A decisão do transporte dos trilhos pela ferrovia contribui com a redução de 625 viagens de caminhão, reduzindo o excesso de veículos nas estradas, além de emitir menos gases poluentes na atmosfera”, finaliza.